Microagulhamento: método para rejuvenescimento da pele.
23 de julho de 2016
CORPO S/A INFORMA!
6 de agosto de 2016

CARBOX S/A

O QUE É A CARBOXITERAPIA?

É um método muito utilizado em clínicas de estética para ajudar a combater as celulites, a flacidez, as estrias e também a gordura localizada. O procedimento é realizado através da injeção de CO2, gás carbônico, em tecidos específicos da pele.

QUANDO É INDICADO FAZERA CARBOXITERAPIA?

Esta é uma técnica que utiliza o gás carbônico no tratamento de estrias, gorduras localizadas, flacidez, celulites e rejuvenescimento facial. Pode ser realizada em homens e em mulheres, sendo procurada principalmente por mulheres.

É indicada quando há o intuito de promover uma melhora em partes do corpo como as nádegas, os braços, as coxas, as costas, abdômen ,e melhora no aspecto de rugas na face por exemplo. O CO2 melhora a circulação e estimula a produção de colágeno e de fibras elásticas, podendo também atuar no tratamento de olheiras e no rejuvenescimento facial

COMO É FEITO O PROCEDIMENTO?

A carboxiterapia não é uma técnica cirúrgica e não necessita de internação. Pode ser realizada em clínicas em sistema ambulatorial e não é preciso qualquer espécie de sedação ou de anestesia. É uma excelente alternativa para quem quer eliminar aquelas gordurinhas localizadas ou tratar estrias e celulites, já que é rápida, prática e segura.

Durante o procedimento será injetado gás carbônico no corpo do paciente. O profissional sabe os parâmetros a serem seguidos para que não ocorram efeitos colaterais, por isso a necessidade de procurar um local que siga as normas exigidas pela Vigilância Sanitária. Como o gás está presente em nossa respiração, geralmente não existem muitas complicações. A ação do anidro carbônico no organismo humano já foi bastante estudada. Ela promove vasodilatação e redução da afinidade entre a hemoglobina e o oxigênio. Com isto há uma melhora na circulação e os tecidos ficam mais oxigenados, ajudando na dissolução de nódulos de celulite e na ruptura de células de gordura. O tratamento pode ser considerado seguro e associado a outras terapias, com a finalidade de acelerar o resultado.

QUAIS SÃO OS RISCOS E EFEITOS COLATERAIS?

Assim como qualquer procedimento na área da saúde a carboxiterapia envolve alguns riscos que não podem ser descartados. Os efeitos colaterais, por exemplo, geralmente se limitam a dores localizadas e a pequenos hematomas provenientes das punções. Pode haver sensação crepitação e um leve aumento da pressão arterial, que na maioria dos casos volta ao normal após cerca de 30 minutos.

Além destes inconvenientes normalmente não é notado qualquer outra espécie de alteração. É importante escolher bem o local e o especialista, para que uma boa anamnese seja feita e as complicações sejam evitadas.

Quer mais dicas como esta? Venha para Corpo S/A. Agende sua avaliação gratuita!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agendar avaliação

       
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

close-link